2/3: Estrada de Coivaras – Um sonho que ficou na promessa

 A PI 215, mais conhecida como Estada de Coivaras, pode ser chamada também de “Estrada dos Sonhos” pelos mais otimistas, ou “Estrada da Promessa” pelos que não acreditam mais que a obra de asfaltamento seja um dia realizada. O que é consenso mesmo entre todos os que precisam usar a rodovia é a revolta pela situação catastrófica da estrada.


A obra que está incluída no programa Pró-Piauí tem 28 km de extensão, saindo do Bairro Parque Estrela, em Campo Maior, até o município de Coivaras. O Governo do Estado afirma que o valor da obra é de R$ 12 milhões e já está com recurso garantido. Porém, até agora a estrada só está nos “sonhos” e na promessa.


Leia também1/3: Abandonada, PI 115 é tomada por buracos e lama em Campo Maior


A obra teve início em 2018 com previsão de ser concluída em 210 dias. Contudo, um problema na empresa que executava os serviços foi alegação quando tudo parou. No dia 30 de outubro de 2020 uma nova empresa assumiu o serviço e iniciou um trabalho lendo de terraplanagem. Os serviços seguiram devagar até que pararam meses depois, mas mesmo assim mereceu visita do governador Wellington Dias (PT).





“Essa estrada vai viabilizar o comércio e a ampliação de riquezas. Queremos proporcionar desenvolvimento para cidade e em 2021 voltaremos para inaugurar e comemorar esta importante obra”, disse o governador ao visitar o canteiro de obra no dia 13 de novembro do ano passado. 2021 já está no quarto mês e provavelmente a inauguração fique mais um vez na promessa.


Atualmente, os trabalhos estão parados, as máquinas foram retiradas do local e os moradores que usam a estrada sofrem com buracos, lama e o perigo de passar em trechos que já não é possível andar com segurança.




2/3 - Essa é a segunda de uma série de três matérias que o Diário de Campo Maior publica nesta semana mostrando o descaso do governo do Piauí com obras em Campo Maior. 

Postar um comentário

0 Comentários